domingo, 19 de julho de 2015

Um dia de cada vez...

Há precisamente três meses, 19 de Abril e num domingo à tarde também, despedimo-nos para sempre sem (eu) saber. Era só um até amanhã. Quero muito acreditar que foi um até sempre e que esse sempre espera por mim. Eu espero-o.

2 comentários:

Outro Ente disse...

Querida Papoila Bem Me Quer,
Quero crer que sim.
Um abraço,
Outro Ente.

Papoila Bem Me Quer disse...

Tem sempre uma palavra agradável, Outro Ente.

Muito obrigada,
Papoila